19 mar

10 + 10 = 1000: Quais são os 10 objetivos e as 10 providências mais importantes para um gestor jurídico?

 

Quais são os 10 objetivos mais importantes para um gestor jurídico?

1. Construir indicadores que me mostrem instantaneamente o que acontece.
2. Vencer todos os processos estratégicos.
3. Reduzir carteiras de processos de massa ao mínimo possível.
4. Previnir processos no futuro.
5. Ter uma provisão para perdas confiável.
6. Contratar os melhores advogados ao menor preço.
7. Entender o impacto das mudanças da lei e da jurisprudência na empresa.
8. Saber se a sua gestão jurídica é melhor ou pior que a dos concorrentes.
9. Identificar as causas-raiz que estão por trás dos litígios.
10. Ter um orçamento controlável e previsível.

 

Como um gestor jurídico consegue implementar essas 10 ações?

Com jurimetria, ou seja, utilizando menos intuição e mais inteligência quantitativa para tomar decisões jurídicas, o que inclui 10 providências:
1. Cuidar do seu BD, pois sem uma base de dados completa e consistente não há estratégia.
2. Desenvolver modelos capazes de prever com acurácia os resultados dos processos, para brigar apenas onde vale a pena.
3. Criar estratégias de acordo eficiente, pois nem todas as disputas valem a pena.
4. Criar regras de provisionamento baseadas em modelos preditivos e não apenas em opiniões.
5. Monitorar automaticamente as modificações nas decisões judiciais e nas leis que impactam nos seus processos.
6. Monitorar automaticamente o volume e as causas das ações das empresas concorrentes.
7. Automatizar relatórios.
8. Compreender em profundidade como decidem os juízes das causas estratégicas.
9. Avaliar os escritórios de acordo com resultados entregues.
10. Introduzir uma cultura de gestão por números e indicadores.

Contato

Rua Gomes de Carvalho, 1356 - 1º andar - Vila Olimpia, São Paulo - SP

Sobre

© 2018 ABJ - Associação Brasileira de Jurimetria.